segunda-feira, 1 de junho de 2009

OFICIAL

Estou arrependida de ter vindo para Erasmus.
  • estou longe do meu sobrinho
  • não acabo o curso
  • o "príncipe" deixou de o ser
É certo que evolui muito como pessoa, aprendi muita coisa e experimentei tantas outras, mas não acho que tudo isso compense os três pontos acima referidos.

Estou no "seja o que Deus quiser". Continuarei a dar o melhor de mim até os exames acabarem. Aos que passar passei, óptimo. Aos que chumbar chumbei, lamentável. A minha vida não começou bem desde que fui gerada, e bem não tem continuado. Por isso se acabar mal acaba. Serei mais uma que veio para este mundo fazer não sei bem o quê.

Recuso-me a ouvir uma palavra que seja em relação a isto. Nem que "eu tinha razão, eu sempre soube", nem que "deixa lá, a vida continua e eu cá estou para te apoiar". Estou e sempre estive sozinha. É assim que me sinto.

Vou dar uma volta, chorar o que tenho a chorar, traçar uma estratégia para que tudo corra pelo melhor. Que é o que tenho vindo a fazer desde sei lá quando...

(Ah e tal que lamechas. Sou tudo o que me quiserem apelidar. Fraca, desistente, filmática e mais uns quantos adjectivos que possam achar caracterizar a minha pessoa. Estou a burrifar-me para quem pensa, quando pensa e o que pensa.)

4 comentários:

menina disse...

Tenho vindo a acompanhar este blog desde o início, sem perder nada. E confesso que tenho tido alguma inveja (no bom sentido) por te a achar a viver um episódio raro para uns, impossível para muitos mais. Mas também percebo que há momentos de solidão, de saudade, em que nada parece bater certo e que tudo o q fizemos até hoje parece completamente desacertado. Mas adivinha meu amor, em milão, lisboa ou coimbra vão existir sempre. E nesses momentos sentes-te sempre sozinha. Mesmo com uma familia junto a ti e amigos que só querem dar uma palavra de apoio ou afastada milhares de km. Não te arrependas. Tiveste a coragem de o fazer e aguentaste até ao fim. Quando voltares terás novas aventuras e novos momentos de desepero mas viverás e continuarás a fazer tudo o que queres e que pensas ser o melhor para ti.

O sobrinho de certeza que está à tua espera e quando voltares saberás apreciar bem melhor do que se tivesses estado sempre ao lado dele.
O curso... acontecem precalços pelo caminho, não te permitas baixar os braços pois és boa no que fazes mas também falível. Um pouco menos de exigência, por favor.
Principes... há muitos!!! Acredita. Há muitas pessoas espectaculares à espera para se cruzarem no teu caminho. Não deixes de estar atenta.

Quando acabares de chorar, manda um toque para eu te chatear um pouquinho, sim?

Adoro-te Pinypon

Pedro disse...

é incrivel! ... tambem ia dizer qq coisa... mas o comentário da Pinypon diz tudo! ;-) lol

só acrescentar que são estes momentos que te fazem crescer e ainda bem que estás a crescer!

ah! e a tua vida vale muito, independentemente do passado, do presente ou do futuro!

um grande beijinho
Pedro

Anónimo disse...

E a vida vai continuando!

E as experiências vão-te enriquecendo!

E os êxitos vão surgindo!

E eu cá te estou esperando cada vez mais saudoso. O tempo não avança!

Beijos do

Dom Pai

couve-flor. disse...

também acompanho com regularidade e subscrevo tudo o que a joana disse, n o poderia ter dito melhor.
quando chegares, cá estaremos para te abraçar!
um beijo enorme.